CÂMARA MUNICIPAL ORGANIZA WORKSHOP DE FOTOGRAFIA DEDICADO AOS MAIS NOVOS

A Câmara Municipal de Vila Real vai organizar um workshop com duas sessões para os mais jovens, dedicado à fotografia da natureza, intitulado "Fotografar a Bicharada". Estes workshops, que decorrem nos dias 30 de junho e 1 de julho (primeira sessão) e 2 e 3 de julho (segunda sessão), serão orientados por Lino Silva e estão abertos a crianças com idades compreendidas entre os 6 e os 14 anos.
O objetivo destas 2 sessões é estimular o gosto e a criatividade dos mais novos, bem como desenvolver aptidões artísticas e visuais. O ensejo é igualmente aproveitado para passar a mensagem sobre a mais-valia do património biológico de Vila Real e da sua perceção como um bem vital para a sobrevivência dos ecossistemas.
A iniciativa está integrada no Programa da Biodiversidade de Vila Real, cofinanciado pelo Programa Operacional Regional do Norte (ON 2).
As sessões do workshop vão decorrer no Centro de Ciência Viva de Vila Real, entre as 9:30 e as 17:00 horas. As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas pelo seguinte endereço de correio eletrónico: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..
Cada criança deverá estar munida de uma máquina fotográfica digital, merenda e boné. Para mais informações, os participantes poderão contactar o Serviço de Ambiente e Mobilidade, através do endereço de correio eletrónico indicado. O número máximo de participantes por sessão está limitado a 15 crianças.

S. Pedro 2014... o Barro Preto andou de mão em mão

barroPelo quarto ano consecutivo, a Associação de Municípios Douro Alliance – Eixo Urbano do Douro, em conjunto com o Município de Vila Real, levou a cabo as actividades À Roda do Panelo no decorrer das Festas em honra de S. Pedro cujos objectivos passam pela valorização da Olaria Negra de Bisalhães e pela revitalização do Jogo do Panelo procurando, por um lado, reaproximar os cidadãos desta arte e, por outro, atrair visitantes e turistas à cidade e às suas festas.

Na noite de Sábado, dia 28, o Grupo Capella Musical de São Pedro percorreu as ruas do Centro Histórico animando os visitantes com canções conhecidas de todos e convidando a participar nas muitas rodas do Jogo do Panelo que se formaram espontaneamente num sinal claro de que este se tornou um momento esperado pelos visitantes da Feira de S. Pedro. Foi possível verificar que, muito após o final desta actividade, ainda se juntavam muitas pessoas a jogar ao panelo já sem ligação ao grupo responsável pela dinamização desta acção.

Para encerrar as actividades, decorreu no Domingo, dia 29 de Junho, o concerto da Orquestra Acrolat'In na Praça do Município com a plateia repleta de visitantes que responderam ao chamado dos acordes deste grupo da casa.
Integrada neste conjunto de actividades, encontra-se ainda disponível para visita, a qualquer hora do dia, todos os dias da semana, a exposição Barro Preto... Fora do Alguidar nas montras da antiga loja Real no Largo da Capela Nova, numa parceria com a Escola Secundária Camilo Castelo Branco.
Ainda integrado neste conjunto de actividades decorreu, de 23 a 27 de Junho, no Museu da Vila Velha, o Atelier Barro Preto às Cores com a presença de vários infantários das freguesias urbanas de Vila Real.

AUTARCAS E POPULAÇÃO REIVINDICAM OBRAS EM ESTRADAS DANIFICADAS EM VILA REAL

O Executivo Municipal realizou, no dia 30 de junho, mais uma reunião descentralizada, desta vez na freguesia de Torgueda. Desta reunião saiu uma posição que uniu os autarcas, Presidente de Câmara e Presidente de Junta de Freguesia e a população no sentido de se reivindicar a realização urgente das obras nas estradas da freguesia que há anos estão danificadas devido à construção da Autoestrada do Marão.
No decorrer da reunião, o Executivo Municipal e o presidente da Junta de Freguesia visitaram a estrada municipal 1241 (ligação Tuizendes-Arnadelo), onde puderam verificar o estado de degradação da mesma, na sequência das obras da autoestrada que vai ligar a Amarante, pelo Túnel do Marão.
O autarca vila-realense falou numa "situação de caos", uma vez que aquela via é a única de acesso a algumas localidades, pelo que afeta a vida das pessoas que por ali têm que circular diariamente. Este não é caso único no concelho já que outras estradas municipais se encontram em situação idêntica devido à passagem de viaturas que trabalhavam para a autoestrada que na altura estava concessionada à Autoestrada do Marão.

A autarquia pondera mesmo, de acordo com declarações do Vereador Adriano Sousa "avançar para os tribunais" se nada for feito. O autarca salientou, ainda, que a Câmara de Vila Real já diligenciou junto da EP para que a estrada fique dotada de condições mínimas e lembrou que foram entregues dossiers sobre o assunto ao Ministro da Economia e Obras Pública e ao Secretário de Estado dos Transportes.
O Presidente do Município, Rui Santos, quer também aproveitar a próxima visita do Primeiro-Ministro a Vila Real, nas próximas semanas, para o alertar para esta situação.
Aguarda-se, entretanto, o reinício das obras, anunciado para este verão pelo Secretário de Estado das Obras Públicas.

APROVADO CONTRATO DE CEDÊNCIA DE PARCELA DE TERRENO À ASSOCIAÇÃO HUMANITÁRIA DOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DE SALVAÇÃO PÚBLICA E CRUZ BRANCA – SECÇÃO DA CAMPEÃ

Em reunião do Executivo Municipal, de 14 de janeiro de 2015, foi aprovado o contrato de cedência de um terreno, sito na Sardoeira, freguesia da Campeã, à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Salvação Pública e Cruz Branca, destinado à construção de um quartel.
Refira-se que, em dezembro de 2000, a Assembleia Municipal, deliberou aprovar a desafetação de uma parcela de terreno do domínio público para ser integrado no domínio privado municipal, com vista à sua cedência àquela Associação Humanitária. Este processo, que o atual executivo herdou, chega assim ao fim.
Com a conclusão do Túnel do Marão, a Secção da Campeã da Cruz Branca, assumirá um papel de extrema importância em situação de emergência, dada a proximidade dos meios de socorro ficando, desta forma, garantida a celeridade e prontidão na assistência às vítimas em caso de acidente.
O contrato de cedência do direito de superfície sobre o terreno sito na Sardoeira será pelo prazo de 50 anos, e inclui uma cláusula de reversão do terreno no caso da construção da obra não se iniciar no prazo de 5 anos, contados a partir da data da celebração do mesmo.

DESAFETAÇÃO DO DOMÍNIO PÚBLICO PARA INTEGRAÇÃO NO DOMÍNIO PRIVADO MUNICIPAL – POSTO DE COMBUSTÍVEIS NA CAMPEÃ

aacvrA Associação de Agricultores do Concelho de Vila Real tem em funcionamento na Freguesia da Campeã – Largo da Feira, um posto de combustíveis, instalado numa parcela de terreno que se encontra integrada no domínio público.
Este posto de combustíveis tem-se revelado, ao longo dos anos, de particular importância estratégica para o desenvolvimento económico da freguesia, pelo que a sua manutenção em funcionamento se torna essencial.
Deste modo, o Executivo Municipal deliberou submeter à Assembleia Municipal a desafetação do domínio público para integração no domínio privado municipal, da parcela de terreno onde este posto de abastecimento combustível funciona, com vista a se poder proceder à alienação a favor daquela associação de agricultores.

Contactos
   259308100

  geral@cm-vilareal.pt

   Avenida Carvalho Araújo
     5000-657 Vila Real
Aplicação do Município
A nossa aplicação está disponível para IOS e ANDROID
Informações

Publish the Menu module to "offcanvas" position. Here you can publish other modules as well.
Learn More.