Borboleta rara fotografada pela primeira vez em Vila Real

14 abril 2015, 11:00 pm
Publicado em Notícias
Ler 2948 vezes

borboleta Castanhinha-das-bétulas captada na Campeã é o primeiro registo conhecido em Portugal
Vila Real volta a ser notícia como destino da biodiversidade. O registo fotográfico de um indivíduo adulto da espécie Thecla betulae (Linneaus, 1758), de nome vulgar castanhinha-das-bétulas, foi captado no Vale da Campeã (Vila Real) e é da autoria de José Agostinho. A confirmação desta notícia é notável tendo em conta que se trata do primeiro registo de alta qualidade desta espécie pois, até à data existia apenas um registo de inferior qualidade feito por Thomas Merckx, na Serra da Peneda.
José Agostinho é um fotógrafo amador que se tem dedicado a registar imagens de natureza. O seu interesse por este tema nasceu sobretudo pela participação nas atividades promovidas pela Câmara Municipal de Vila Real no âmbito do Programa da Biodiversidade, programa cofinanciado pelo Programa Operacional Regional do Norte (ON2).
Para o Vereador do Ambiente do Município, Adriano Sousa, “esta é uma excelente notícia, que reflete os resultados da aposta feita no estudo e divulgação dos valores ambientais existentes no concelho e o potencial que estas ações têm no desenvolvimento não só cultural como técnico junto dos seus munícipes”. Salientou ainda que “Vila Real acaba por ter esse registo único pelo facto de ter preparado os seus cidadãos, através dos workshops e de outras iniciativas de sensibilização, para conhecer e compreender melhor a fauna e flora. Este facto, por si só, revela que os nossos cidadãos estão a saber valorizar a biodiversidade e estão atentos para a sua preservação e divulgação, estando melhor preparados por força da ação do Programa da Biodiversidade.”

Mais pormenores sobre esta descoberta no website da Biodiversidade

Classifique este item
(4 votos)
Login para post comentários