×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 137

CIRCUITO AUTOMÓVEL DE VILA REAL FINANCEIRAMENTE SUSTENTÁVEL

20 janeiro 2015, 12:00 am
Publicado em Notícias
Ler 2520 vezes

corridas A Câmara Municipal e a Associação Promotora do Circuito Internacional de Vila Real (APCIVR) apresentaram o Relatório e Contas do 44º Circuito Automóvel de Vila Real, que teve lugar a 21 e 22 de junho de 2014.
A divulgação dos números das corridas, passados três meses da sua realização, vem ao encontro do compromisso assumido pela APCIVR por ocasião da formalização da parceria entre aquela associação e o Município de Vila Real com vista à promoção e realização do regresso das corridas a Vila Real.
José Silva, membro da Comissão Instaladora da APCIVR, começou por referir o trabalho desenvolvido pela associação para a promoção e divulgação do Circuito de Vila Real, com a criação de uma nova linha gráfica, um vídeo promocional, a página no facebook, entre outros. Em termos mais mediáticos a APCIVR levou o regresso do Circuito Automóvel de Vila Real a programas televisivos, conferências de imprensa, feiras e outro tipo de eventos um pouco por todo o país e na vizinha Espanha.

Considerando que a sustentabilidade económica era um dos fatores determinantes para a continuidade do Circuito de Vila Real de forma periódica a APCIVR celebrou cerca de 50 contratos de patrocínio, bem como 2 contratos com promotores e ainda a permuta de alguns serviços. Apuradas as contas, as receitas permitiram um encaixe financeiro na ordem dos 220.000,00 euros, contra 210.000,00 euros de despesa, obtendo-se um resultado positivo de 10.000,00 euros.
De referir que de acordo com as conclusões do estudo de impacto económico, encomendado a uma entidade externa (O Régia Douro Park), este evento desportivo revelou um impacto financeiro para o concelho de cerca de 4,5 milhões de euros, revelando-se num êxito assinalável quer do ponto de vista económico quer do ponto de vista desportivo, testemunhado pelas cerca de 90.000 pessoas que assistiram às provas.
O Presidente da Câmara Municipal, Rui Santos, visivelmente satisfeito com os dados revelados, referiu que "os orçamentos estão rigorosamente a ser cumpridos". Dos 50.000 euros inicialmente previstos em termos de despesa corrente do Município para a realização das corridas, foram já transferidos cerca de 27.000 euros. Rui Santos afirmou ainda que "este é um bom modelo, este ano de 2014 provou-se que é possível fazer corridas em Vila Real de forma sustentável."
Revelados os números de 2014 está já a ser preparada a próxima edição do Circuito de Vila Real, prevista para o início do mês de julho de 2015, com a internacionalização na mira. Para que este objetivo se concretize está a ser preparado o reforço das condições de segurança do circuito e das infraestruturas adjacentes. Para terminar, o Presidente da Câmara Municipal deixou um agradecimento a todas as entidades envolvidas na realização deste grande evento desportivo em Vila Real sem esquecer todos os funcionários do universo municipal pela dedicação e empenho demonstrados.

Classifique este item
(0 votos)
Login para post comentários